terça-feira, 2 de abril de 2013

Emprego: novos cargos à vista

Querido diário:
O jornal de hoje fala que os governantes vão criar nova e potente medida destinada a controlar as explosões de caixas eletrônicos (dos bancos operando no Brasil): vão retirar o dinheiro dos caixas durante a noite.

Claro que achei a medida um tanto... brasileira. O problema mesmo não é que o Sol deixe de girar em torno da Terra, mas que não existe, no mundo sublunar, um sistema judiciário eficiente. Como bem conhecem os selenitas, a impunidade é que é a maior arma do crime.

Mas o lado alegre da desfaçatez dos governantes é que serão necessárias algumas centenas de trabalhadores para meter o dinheiro nas máquinas de manhã (o que enteremos por manhã?) e sacá-lo de noite (e noite, meu chapa, noite é às 21h30min, como no Solstício de Verão ou 17h45min, como no Solstício de Inverno.

DdAB
Imagem daqui.
P.S. Esta postagem responde pelo número 1234, caracterizando-se, portanto, como cabalística. Na postagem 4321, usarei a mesma ilustração e direi: tomara que ele se reeleja e abjure todos os bandidos. E, claro, serei preso por motivações politicamente incorretas. E terei que retirar de circulação meu silogismo tipo Barbaquá.
P.S.S.: (18h26min) Esqueci de dizer que este negócio de tirar o dinheiro dos caixas durante a noite é o que os epidemiologistas chamam de high risk strategy, ao passo que a population strategy é melhorar a eficiência do sistema judiciário, com polícia e juízes mais eficientes. E, claro, mais policiais e mais juízes.

Nenhum comentário: