domingo, 22 de maio de 2011

Sagan, Ciência e Democracia

querido blog:
vão-se alguns anos desdeque Carl Sagan feneceu. eu gostava dele e li um que outro de seus livros. muito sobre astronomia, mas muito mais. na postagem abcz, falei no livro de Nicholas Alchin, que fala de Sagan |à p.20. em minhas palavras, um tanto resultantes de uma tentativa de resumir e traduzir, lemos que existe um fator interessantíssimo que é comum entre a ciência e a democracia. o sucesso de ambas repousa na transparência e ambas têm a estrada real para o progresso ligada à possibilidade que ofereçam a todos de olharem os dados ("have a look at the data"). seguem ambos -agora não são a ciência e a democracia, mas o Alchin e o Sagan- dizendo que todos têm o direito de contribuir, mas apenas aqueles que fazem o serviço ganham o dia.

eu pensei nisto hoje, pois o dia está lindo e se pensarmos no que aguarda o Brasil teremos que pensar duas vezes nesta questão de que "todos têm direitos". isto está longe de ser verdade. e nunca será, a menos que mudemos o sistema político. não sou mal-humorado, apenas um pouco contrafeito por ter um friozinho na barriga por achar que acabou o governo Dilma.
DdAB
a imagem veio de . e acho fundamental voltá a investigá. surpreendi gregos e troianos, no outro dia, por revelar-me sabedor de princípios básicos de astrologia. ergo, poderia analisar o mapa astral de Carl Sagan, o que daria um duplo romantismo a tudo!

Nenhum comentário: